terça-feira, 18 de outubro de 2011

Num reino não tão distante..

Enquanto isso em um reino não tão distante

O Rei quer reafirmar seu poder e continuar governando através de seu sucessor. Porém, para acalmar os ânimos do povo, inconformados com sua incompetência e com a falta de expressão do sucessor indicado, esta deixando o rei preocupado.

Para tanto, o rei decidiu casar o sucessor com um homem dito do povo, destacado membro da burguesia do reino, só que mais um problema pro rei: o burguês anseia ser rei.

Vossa Majestade já argumentou que o burguês não esta preparado para governar, não tem experiência, e nem sangue político (nobre) em suas veias.

Mas o burguês é insistente. O rei então decide colocá-lo como vice-rei. O burguês reluta. O rei o corteja, emprega parentes do burguês na corte, faz negócios oficiais com o burguês e o elogia publicamente.

O burguês busca aparecer cada vez mais, demonstrar que é um homem do povo, que tem liderança. Fala ao povo que quer ser rei. Seus amigos e aliados falam que ele nao quer ser vice, que seu objetivo é ser rei.Tudo para se valorizar e conseguir um bom acordo nupcial, pois sabe que toda boa noiva tem que fazer charminho, valorizar-se, dificultar um pouco o acesso. Mas também sabe que terá que acabar cedendo.

E assim o rei pensa que vai emplacar seu sucessor.

2 comentários:

  1. #tô rindo horrores! Boa criatividade colega!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Helani, sua participação é sempre um grande privilégio.

      Excluir