segunda-feira, 4 de março de 2013

Poucas e contundentes palavras: prefeito municipal expoe os "erros administrativos" do seu antecessor.



Todo cidadão que fizesse a mínima avaliação sem comprometimento da gestão anterior perceberia que se tratava de um governo fraco, sem expressão, incompetente em todos os sentidos.

O descaso com que era tratada a coisa pública se fazia evidente nas ruas, nas repartições publicas, no trato com os cidadãos em todas as esferas do poder municipal.

O secretariado escolhido pelo gestor durante os seus dois mandatos eram fracos e sem expressão. Quase nada produziram pela cidade que pudesse merecer um destaque, uma nota, um elogio.

Não existia no prefeito anterior um líder, um gestor com a mínima capacidade administrativa. Estava no poder somente por ter sido eleito. Seus compromissos com o povo - feitos no palanque – foram esquecidos durante seu mandato. Seja por má fé nas promessas, seja por incompetência na realização.
Fica claro que “Dormia a nossa pátria mãe tão distraída, sem perceber que era subtraída em tenebrosas transações”.

Sabíamos que a gestão anterior era incompetente, não sabíamos que ela era corrupta.

Transações que agora vem à tona trazidas pelo prefeito municipal em discurso de abertura dos trabalhos na câmara  de vereadores de Santa Isabel onde o mesmo soltou o verbo. Munido de documentos comprobatórios denunciou as diversas irregularidades realizadas pelo seu antecessor que vão desde superfaturamento de obras e serviços públicos, passando por contratações irregulares de empresas, obras mal realizadas e tantas outras.

O discurso veio na hora e no local certo. O prefeito já teve tempo para avaliar o rombo deixado pelo antecessor, esta a par das irregulares e principalmente sabe agora a dimensão do trabalho que terá que realizar para consertar os erros do (indi) gestor passado e com isso resgatar a credibilidade do prefeito junto ao povo.

Os nossos legisladores agora estão a par da situação, esperamos que se posicionem e atuem para que ocorra esta retificação administrativa e moral em nossa cidade.

O povo já fez sua parte e disse não a este descaso, a toda a incompetência que se instalou no poder por oito anos dizendo não ao sucessor do incompetente.

O Nosso gestor demonstra toda a coragem de um líder para expor as mazelas, os desmandos, às irregularidades cometidas pelo seu antecessor de forma clara, documentada e o mais importante: sem usar isso para justificar nada. O trabalho de semear novos tempos já começou retirando a sujeira deixada em nosso solo.

Espero sinceramente que ministério publico responda aos anseios populares e dentro da lei venha garantir que esta corja possa pagar pelos erros que cometeu.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

100 dias, 100 Nada.

O prefeito de Santa Izabel do Pará, Evandro Watanabe (DEM), completou recentemente cem dias à frente da administração municipal.  ...