terça-feira, 7 de agosto de 2012

Quem tem boca fala o que quer...

Em uma reunião com os candidatos da coligação "União Izabelense" tive a oportunidade de falar sobre o posicionamento que devemos ter nesta campanha.
Uma campanha politica pode ser comparada com uma guerra. Pois, armas em punho todos saem em busca de ganhar território no coração e na mente do eleitor. Claro que mesmo na guerra devem haver regras.
E além de saber posicionar seus recursos, de lutar palmo a palmo, de ter uma boa estratégia, acredito que uma guerra tem como elemento fundamental o Marketing, a informação.
Ganha a guerra quem possui informações. Quem repassa essas informações. Em se tratando de uma campanha política as informações devem chegar ao Eleitor, este deve ser informado, deve comparar, deve avaliar para poder tomar uma descisao realmente baseada em fatos, em uma analise racional.
Tem um certo blogueiro que esta ficando com os dedos cansados de tanto elogiar os feitos de seu prefeitável. Elogia até a maneira como determinado candidato ergue e balança a bandeira; Como a carreata é feita; Como o candidato tira foto, abraça, beija...o cara elogia tudo. De forma aberta e apaixonada.
Tenta criar a imagem - nesta guerra de informação e maquiagem - de um candidato apaixonado pelo povo, pela cidade. Numa intenção aberta de tornar tal candidato alguém mais popular.

Nesta guerra...ele com certeza é o principal correspondente da situação. Até quando eu nao sei.

Nenhum comentário:

Postar um comentário