Idiotas Virtuais


Ser uma pessoa analógica em uma sociedade pós-moderna é algo no mínimo inusitado ou seria atrasado? Está bem, podem me chamar de procrastinado. Porém, pensando bem, até que eu gosto dessa ideia de revolução tecnológica, não posso negar que faço parte desse sistema de robôs, máquinas e internet sendo apenas um banco de dados e nada mais.

Se de um lado houve um extensivo processo de evolução tecnológica, do outro houve um retrocesso no mínimo racional da espécie humana, melhor dizendo verdadeiros idiotas. (Ainda não se sentira ofendido). Até que os Astronautas estão certos ao dizer: “Desde a idade da pedra a era moderna a raça humana ainda é o que era; A evolução da espécie não foi tão grande assim; É fácil perceber - olhe pra você e pra mim”.

O processo de inclusão digital conhecido como o acesso democrático das tecnologias, está incluindo cada vez mais pessoas nesse campo de digital, porém esqueceu-se de alfabetizá-las. Contudo, é notória a enxurrada de imbecis que estão com as tecnologias em suas mãos disseminando porcarias nenhum pouco aproveitável. Claro, são imbecis, ou seja, pessoas ignorantes, sem cultura e conhecimento de nada.

Bem, não vamos discutir com os idiotas virtuais, afinal de contas são eles donos da verdade e não ousemos se quer desqualificá-los ou contrariá-los. Seria de grande relevância que os idiotas soubessem que não existe uma verdade absoluta e o que tudo é questionado. Pronto, já podem começar a me agredir virtualmente . Na falta de bons argumentos, eles preferem a agressão ao ponto de denegrir até mesmo o caráter ou a conduta do outro.

Os idiotas não distinguira a liberdade de expressão com libertinagem de expressão. É preciso respeitar a liberdade de expressão, caso contrário ao desrespeitar o direito dos outros comparamos à anomalia intelectual e a volta à barbárie. Com o ápice da libertinagem de expressão, os idiotas se espalham feito pragas no mundo cibernético com uma total irresponsabilidade e com implicância pessoais.

Deve-se porém relevar pois esses idiotas estão em pleno processo de "alfabetização" e quando são introduzidos nesse mundo virtual veem informações tão mais fáceis/acessíveis em pouco tempo, que abandonam os livros, e logo deixam coisas mais importantes para estarem na frente do computador. Outros não tem limites sobre o que colocam nesse mundo, ou quanto se expõem.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A diferença entre um Estadista e um politico qualquer..

100 dias, 100 Nada.

PUXA SACO: FIGURA DO SUBMUNDO POLITICO.