sexta-feira, 28 de outubro de 2011

5000 acessos em 5 semanas.


Ver este blog chegar a 5.000 acessos em aproximadamente 5 semanas é um motivo de grande satisfação. Ver que nao sou o único que pensa desta forma, que tenta ver politica racionalmente, é confortante.
Este blog pontua suas falas, postagens e opinões de maneira a provocar a reflexão, ao questionamento, ao embate.
A parte corporativista da blogosfera izabelense faz de conta que este blog não existe. Eles comentaram a meu respeito no inicio, provocaram mas nao foram capazes de sustentar o debate, entao preferiram enfiar a cabeça na terra como avestruzes. Não comentam mais nada a respeito deste blog. Mas como já disse, este blog é maior que isso.
Faço politica com a mente, me envolvo, tomo partido, declaro de que lado estou e em qual projeto acredito.

Agradeço aos que lêem e comentam, como Denis Braga, Edilson Veterano e outros.

Obrigado a todos os leitores deste blog por manterem uma média de 1000 acessos por semana.

A cada 50 dias cai um ministro.

quinta-feira, 27 de outubro de 2011

Dentista Prefeito ou Prefeito Dentista?


Se o Mariohhhh tivesse levado sua experiência profissional para a gestão municipal talvez ele tivesse....
      OBTURADO os buracos das ruas,
      RESTAURADO  a dignidade da cidade, dos funcionarios publicos,
      CLAREADO as ruas a noite,
      Realiado uma verdadeira e completa LIMPEZA geral na cidade,
      Em outras palavras GERADO SORRISOS....
Mas como DENTISTA das ELITES...só faz SORRIR OS RICOS E PODEROSOS

Interino do Esporte firmou convênios com ONGs suspeitas


Homem de confiança de Orlando Silva.
BRASÍLIA - Apontado como ministro interino do Esporte após a demissão de Orlando Silva, o secretário executivo da pasta, Waldemar Souza, assinou convênios com organizações não governamentais suspeitas de irregularidades.
Filiado ao PC do B do Rio de Janeiro, Souza foi quem firmou o contrato de R$ 6,2 milhões com um sindicato de cartolas do futebol para um projeto da Copa do Mundo de 2014, conforme revelou reportagem do Estado publicada em agosto.
Confiança. Waldemar Souza faz parte da tropa do PC do B dentro do ministério. É homem de confiança do ministro Orlando Silva. Passa pelo crivo dele os principais contratos do Ministério do Esporte. Em suas entrevistas, o delator do esquema que derrubou Orlando, João Dias Ferreira, também inclui o nome de Waldemar.
O nome do secretário executivo aparece, por exemplo, na prorrogação de um convênio do Programa Segundo Tempo no valor de R$ 911 mil com o Instituto de Desenvolvimento da Criança e do Adolescente (Idec), da cidade de Novo Gama (GO).
A renovação foi publicada no dia 25 de agosto deste ano no Diário Oficial da União. A entidade é de fachada e, apesar de ter assinado o contrato em 2009, jamais executou o projeto. Após o Estado revelar o caso, o ministério anunciou que decidira cancelar o contrato.
No dia 25 de janeiro de 2011, Waldemar Souza assinou ainda um convênio de R$ 1,2 milhão com o Instituto Pró-Ação, outra entidade sob suspeita.
Conforme a reportagem mostrou na segunda-feira passada, a ONG repassou pelo menos R$ 1,3 milhão em cheques para empresas fantasmas em Valparaíso (GO). A entidade é apontada como 'modelo de gestão' pelo Ministério do Esporte.
Outro convênio. E não para por aí. Em 30 de novembro de 2010, o secretário executivo surge como responsável por um novo convênio, no valor de R$ 2,4 milhões com o Instituto Cidade, de Minas Gerais.
A entidade, que levou R$ 9 milhões nos últimos quatro anos, é ligada ao secretário de Esporte Educacional, Wadson Ribeiro.
Tem sede na cidade mineira de Juiz de Fora, cidade em que Wadson é pré-candidato a prefeito em 2012 pelo PC do B. Ele, aliás, era o antecessor de Waldemar Souza na Secretaria Executiva do ministério.
Ex-presidente da União Nacional dos Estudantes (UNE) e também personagem de convênios suspeitos, Wadson ainda permanece no cargo.
Ele retornou em março deste ano para o Ministério do Esporte depois de perder as eleições para deputado federal em 2010. O Estado revelou na quarta-feira que o secretário recebeu R$ 33,5 mil de ajuda de custo ao voltar para o governo.

Opinião: A presidente Dilma fez uma mudança para inglês ver. Se o esquema de corrupção já vem da gestao do ministro anterior, que era do PC do B também, trocou só o ministro e deixou o partido no comando do Ministério.
E agora o interino também é acusado. Não me surpreende. A corrupção neste caso não é personalizada em uma pessoa , é na instituição.

quarta-feira, 26 de outubro de 2011

Governo confirma saída de Orlando Silva


O ministro-chefe da Secretaria Geral da Presidência da República, Gilberto Carvalho, confirmou há pouco que o ministro do Esporte, Orlando Silva, vai mesmo deixar o governo. Ele disse que a forma como se dará a saída de Orlando será definida na reunião a ser realizada no início da noite desta quarta-feira, 26, com a presidente Dilma Rousseff. 'A abertura de inquérito pelo Supremo (Supremo Tribunal Federal) foi fator determinante para a mudança da situação', disse Carvalho.
Segundo Carvalho, o mais provável é que haja uma interinidade na Pasta. 'É o mais provável'. Ele disse ainda que a tendência é de que o cargo continue nas mãos do PCdoB. Carvalho não quis falar em nomes e elogiou o ministro Orlando Silva. 'Orlando teve uma atitude madura. Eu respeito e louvo a atitude do PCdoB', disse o ministro relatando a conversa que teve na manhã de desta quarta com Orlando Silva e com o presidente do PCdoB, Renato Rabelo.
O encontro de Dilma com o ministro do Esporte será realizado logo mais, no Palácio do Planalto, após o encontro da presidente com representantes do grupo PSA Peugeot Citröen.
Dia de expectativa. Mais cedo, após reunião para definir um posicionamento do partido, Rabelo afirmou que o PCdo B está tranquilo e que Orlando Silva foi atacado injustamente. 'É um ministro jovem, com grande êxito no Ministério, foi atacado de forma injusta em uma tentativa de expô-lo', afirmou. 'Vamos tratar a questão politicamente. Já enfrentamos desafios, embates muito mais complicados do que esse', disse.
Na manhã desta quarta, Orlando Silva ficou reunido por quase duas horas com o ministro da Secretaria Geral da Presidência, Gilberto Carvalho, no Palácio do Planalto. 'Depois da decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), Orlando é um ministro que está saindo desde ontem', resumiu ao Estado um assessor da Presidência.
A ministra Carmem Lúcia do STF, atendendo o pedido feito pelo procurador-geral da República, Roberto Gurgel, mandou nesta terça-feira, 25, abrir inquérito para investigar Orlando Silva. Participaram também da reunião desta manhã o presidente do PC do B (partido do ministro), Renato Rabelo, e os líderes do partido na Câmara, Osmar Júnior (PI) e no Senado, Inácio Arruda (CE).
Desde a tarde desta terça, Carvalho discutia com o PC do B o destino de Orlando Silva. O próprio Carvalho admitiu que a presidente Dilma Rousseff acompanhava atentamente as denúncias contra Orlando, e manifestou preocupação com a avalanche de acusações. 'O quadro é de observância justa e preocupada', disse Carvalho. Entre os nomes considerados para assumir a pasta estariam o da ex-prefeita de Olinda (PE), a deputada Luciana Santos, e o deputado Aldo Rebelo, ambos do PCdoB.
Dilma demite. A decisão da direção do PC do B era de que Orlando fosse demitido pela presidente, para deixar claro que ele não se demitiu e não assume responsabilidade por participação no esquema de desvio de verba pública envolvendo os programas do Ministério do Esporte, principalmente o Segundo Tempo e Pintando a Cidadania.
Com a saída de Orlando Silva, são seis os ministros que deixaram o governo Dilma. Nos dez primeiros meses do primeiro ano do mandato da presidente Dilma, cinco ministros entregaram o cargo, quatro deles envolvidos em denúncias de corrupção.

Parabéns ao Blogueiro Denis Braga.

Caro Denis Braga,
Quero aproveitar esta marca de 20.000 acessos para parabeniza-lo por seu blog que sempre nos premia com postagens úteis, centradas e informativas.
Sucesso sempre.
Seu blog é minha primeira leitura na blogosfera izabelense.

terça-feira, 25 de outubro de 2011

Ministra do STF autoriza abertura de inquérito para investigar Orlando Silva

Brasília - A ministra Carmem Lúcia Antunes Rocha, do Supremo Tribunal Federal (STF) autorizou abertura de inquérito para investigar as suspeitas de envolvimento do ministro do Esporte, Orlando Silva, no esquema de corrupção na pasta. Ela atendeu a um pedido do procurador-geral da República, Roberto Gurgel, que na semana passada requereu a abertura formal da investigação. Carmem Lúcia pediu ao Tribunal de Contas da União (TCU) que informe se existem processos em andamento no órgão sobre convênios firmados no âmbito do ministério do Esporte. Ela também requisitou ao Superior Tribunal de Justiça (STJ) que encaminhe ao Supremo inquérito que investiga a participação do governador do Distrito Federal, Agnelo Queiroz nas supostas irregularidades.Quando esse inquérito chegar do STJ, o procurador-geral da República analisará se há conexão entre os fatos investigados naquele tribunal e no Supremo. Se houve essa conexão, o inquérito poderá ser transferido do STJ para o Supremo.Nesta terça-feira, 25, o ministro participará de audiência pública na Câmara para falar sobre a Lei Geral da Copa e deve ser novamente questionado sobre as denúncias. Na semana passada ele prestou esclarecimentos por duas vezes e negou as acusações feitas pelo policial militar João Dias Ferreira.
Fonte: estadaonline.

De um tempo que está por vir - Paulo Fonteles

Ontem tive o grato prazer de conhecer os poemas de Paulo Fonteles, quando descobri seu livro de poemas, então reproduzo aqui um dos poemas do saudoso líder do povo paraense assassinado pelos latifundiários.

De um tempo que está por vir

Precisão de uma noticia
Ou de um gole de cachaça.
Mas a noticia não vem
E a cachaça queima a garganta.
Hibernar não posso
Que a ciência não chegou a tanto.

Preciso de uma boa noticia,
Que fale dos cabelos da mulher
Vindo para se enroscar na minha cama
E apagar a solidão.

Chega de prisões!
Cantos de tortura e alimento de abutres!
Não precisamos de heróis chorando
E morrendo nos calabouços!

Preciso de uma boa noticia
De um tempo que esta por vir,
De uma noite de luta, estrelada,
Derramando-se sobre um mundo de paz.

A matinta-pereira já se foi.
A curupira nunca mais atacou ninguém.
Todas as assombrações foram enterradas.
Homens, mulheres e crianças já podem entrar no mato
Sem medo.

                                                Por Paulo Fonteles

Lula com medo de não voltar em 2014.

A eleição de Cristina Kirchner com toda certeza é um fator que fortalece as presidentas da América Latina, muitas outras ainda virão. Lula agora teme ser engolido por sua cria.

A pequenez sendo mostrada.


Condenem-me se quiserem. A História me absolverá”. Esta frase tomo emprestado de Fidel Castro, um verdadeiro revolucionário que foi, antes de se empolgar com o poder e tornar-se um ditador. O motivo de usar esta frase é que quando eu fiz uma analise sobre o PT em SIP, mostrando suas facções, sua pequenez política, sua falta de coordenação e expressão política “pois mesmo elegendo um vereador e o vice-prefeito que não conseguiram atuar nem como situação, muito menos como oposição”, fui alvo de críticas durissímas de blogueiros, de autoridades petistas e de militantes.
No artigo mostrei o isolamento das lideranças locais em relação aos líderes estaduais do partido. Agora vejo no blog do Bruno Marques uma avaliação a respeito dos conflitos internos que acabaram por minar o PT no município.
Líderes desprestigiados pelo PT municipal e estadual como o competente Tinoco, hoje no PP.
Lideranças oportunistas que vieram para o PT quando lhes foi conveniente e agora abandonam a sigla, que mostram como a ideologia é mercantilizada em troca de cargos, indicações e prestígios. Funciona mais ou menos assim: se eu posso indicar temporários sou uma liderança. Se outros líderes surgem, meu prestigio cai.
O Bruno também fala de caciques estaduais e reféns municipais. Quase fico surpreendido.
Pois bem, são fatos que não foram expostos por mim diretamente, mas que comprovam o que já foi dito: não adianta pousar de defensor da moral e dos bons costumes políticos e possui uma legenda posta a disposição de quem não conhece o valor do vermelho.

segunda-feira, 24 de outubro de 2011

A compra de votos já começou.


Iludem-se os que pensam que a compra de votos só ocorre na época das eleições. Na boca de urna.
Futuros candidatos já estão nas ruas distribuindo sorrisos, cervejas e comprometendo os arregimentadores de votos.
Para quem não sabe o arregimentador é um aliciador, uma figura responsável por intermediar a compra de votos nas comunidades. São conhecidos como cabos-eleitorais, eles promovem reuniões, intermediam pedidos entre a população carente e o candidato,anotam numero de títulos, endereço residencial e de votação, e “cadastram” os possíveis eleitores destes candidatos, claro que em troca existe uma remuneração tanto para os alistadores como para os alistados.
Esses corruptores da democracia já começaram a agir. No bairro novo já estamos de olho e vamos denunciar. Fique de olho na sua comunidade também.

domingo, 23 de outubro de 2011

Oposição na Câmara Municipal?





Finalmente um assunto que fez os ânimos se exaltarem na câmara municipal de Santa Izabel do Pará. A muvuca está acontecendo porque os bisonhos vereadores Jorge Tubarão e Totó estão encabeçando um movimento para ampliar o número de vagas para 15 vereadores ao invés dos 13 que deseja o vereador-presidente da câmara e festeiro Nunes.
Depois de três anos da atual legislatura algo gera um desconforto entre os amigos de si mesmos. A pergunta que nao quer calar é: Totó e Tubarão querem aumentar para 15 e o Nunes quer apenas 13?
A cidade tem direito a 15 vereadores. Os gastos públicos - repasse da prefeitura - vão continuar equivalentes aos 7% do orçamento. O povo - teoricamente - terá mais representantes.
Não entendo gastar tempo com uma discussao tao simples. Se esse ânimo fosse utilizado para melhorar a vida de nossa população com toda certeza a câmara teria produzido mais nesses três anos.

sábado, 22 de outubro de 2011

Imprensa publica novas denúncias contra Orlando Silva

RIO DE JANEIRO (Reuters) - Órgãos de imprensa publicaram neste sábado novas denúncias de irregularidades contra o ministro do Esporte, Orlando Silva, aumentando a pressão para que ele renuncie um dia depois de receber apoio da presidente Dilma Rousseff.
O próprio ministério, controlado pelo PCdoB, partido de Silva, também voltou a ser alvo de acusações.
A edição deste fim de semana da revista Veja, que no último fim de semana publicou acusações do policial militar João Dias Ferreira de que Silva comandaria um esquema de desvio de recursos na pasta que teria o partido como beneficiário, afirmou ter tido acesso a uma gravação de uma reunião entre o policial e assessores de alto escalão da pasta em que eles ajudariam João Dias a burlar a fiscalização do próprio Ministério do Esporte.
De acordo com a revista, durante o encontro realizado em 2008 e gravado pelo PM, Fábio Hansen, então chefe de gabinete da Secretaria de Esporte Educacional, e Charles Rocha, à época chefe de gabinete da secretaria-executiva da pasta, orientam João Dias a elaborar um documento com data alterada e garantem a ele que enviarão à polícia ofício pedindo a desconsideração de documento anterior enviado pela pasta pedindo a investigação de convênio realizado entre a pasta e entidade comandada pelo policial.
João Dias foi uma das cinco pessoas presas no ano passado durante a Operação Shaolin, da polícia de Brasília, que investigou denúncias de desvio de recursos públicos em convênios firmados entre a pasta e organizações não-governamentais no âmbito do programa Segundo Tempo, gerido pelo ministério.
De acordo com Veja, o nome do atual governador do Distrito Federal, Agnelo Queiroz (PT), que pertencia ao PCdoB quando comandou o ministério, também aparece na gravação.
O Estado de S. Paulo disse que viu documentos mostrando que a esposa de Silva recebera dinheiro público de uma ONG controlada por filiados ao PCdoB, partido do ministro. De acordo com o jornal, os documentos mostravam que a ONG contratou uma empresa da esposa de Silva e pagou 43.500 reais por trabalhos de pesquisa.
A Folha de S. Paulo publicou que um pastor evangélico fora pressionado por autoridades do Ministério do Esporte a pagar uma propina de 10 por cento ao PCdoB em um projeto público para oferecer esporte a crianças carente. O pastor, David Castro, disse que o projeto foi interrompido porque ele se negou a pagar a propina.
Silva se reuniu com Dilma na sexta-feira por mais de uma hora para se defender das alegações recentes. Dilma disse, em comunicado, que o governo não condenará ninguém sem provas.
Se Dilma retirar seu apoio, Silva poderia se tornar o quinto ministro a renunciar neste ano.
No comando do Ministério do Esporte, Orlando Silva é o principal responsável no governo Dilma pelos preparativos para a Copa do Mundo de 2014 e a Olimpíada de 2016, que serão realizadas no Brasil.
Cinco ministros de Dilma já deixaram seus cargos em meio a denúncias de irregularidades -Antonio Palocci (Casa Civil), Alfredo Nascimento (Transportes), Wagner Rossi (agricultura) e Pedro Novais (Turismo).
(Por Stuart Grudgings no Rio de Janeiro e Eduardo Simões em São Paulo)

quarta-feira, 19 de outubro de 2011

Socialistas Ignorantes

Se os proclamados membros da gloriosa esquerda tivessem o minimo de conhecimento histórico eles teriam respeito pela Humanidade.
O que se conhece como socialismo nunca correspondeu exatamente ao modelo proposto por Marx e Engels. O que a humanidade teve o desprazer de conhecer foi o socialismo real. Para o historiador Gilberto Cotrim, se trata de um "socialismo autoritário", devido ao terror político implementado pelos diversos regimes socialistas que existiram no mundo
A trejetória do socialismo real começa com a vitória dos bolcheviques na Revolução Russa, o que transformou o país, renomeado de União Soviética, no primeiro estado socialista da história.
Vejam o que aconteceu....
A partir de 1921, o Partido Comunista instaurou a ditadura no país. A oposição política, dentro e fora do partido, foi proibida, e todos os sindicatos foram unificados e submetidos ao comando do governo federal. Com Josef Stalin, o Partido Comunista passou a reinar de forma absoluta sobre a sociedade.
As ordens do Partido eram inquestionáveis e todos deveriam se submeter a elas. A repressão se aprofundou após a derrota de Leon Trótski na disputa pelo controle da União Soviética depois da morte de Vladimir Lenin Stalin perseguiu violentamente todos que se opusessem a seu regime.
Milhares de cidadãos foram presos, torturados e mortos pela repressão. Mais de cinco milhões de pessoas foram presas e estima-se que cerca de 700 mil tenham morrido durante o Grande Expurgo stalinista. De acordo com o historiador britânico Robert Conquest, este número pode ser de duas a três vezes maior. Assim sendo, a União Soviética perdeu figuras ilustres, executadas como traidores da pátria em eventos que ficariam conhecidos como "julgamentos-espectáculos". Além dos mortos no Grande Expurgo, cerca de 1,8 milhão morreram em gulags. O regime stalinista foi uma das ditaduras mais sangrentas do século XX.

De maneira semelhante ao ocorrido na União Soviética, o regime socialista implementado em outros países trouxe consequências brutais para o povo.
No Camboja, cerca de 1,5 milhão foram executados como consequência do regime do Khmer Vermelho.
Na Coreia do Norte, estima-se que de 900 mil a duas milhões de pessoas tenham morrido de fome após o colapso do regime soviético. Antes disso, de 700 mil a mais de 3,5 milhões de pessoas teriam sido assassinadas pelo regime de Kim Il-sung.
Na China foram cerca de 2,5 milhões morreram como vítimas de perseguição política durante o período conhecido como Grande Salto Adiante na China.
No Vietnã, o regime comunista teria feito de 200.000 a 900.000 vítimas na década de 1950.
Na Etiópia, cerca de meio milhão de pessoas foram assassinadas durante o Terror Vermelho de 1977 e 1978.
Como consequência do socialismo real, a semântica do termo "socialismo" foi alterada profundamente ao longo do século XX, sendo hoje associada por alguns ao totalitarismo e ao desrespeito aos direitos humanos.
bibliografia
FREITAS, Eduardo. Socialismo Ideal e Socialismo Real – Brasil Escola.
COTRIM, Gilberto. Historia Global. 5ª Edição. Pp 360 – 366 e 453-461. Sao Paulo: Editora Saraiva, 1999.

 

Opinião de quem tem opiniao:
Agora, caros leitores, como um bacharel e licenciado em História, conhecedor de todas essas atrocidades pode defender o modelo vermelho de governar? Eu nao posso.
O socialismo se mostrou pior que o planejado. Não resolveu nossos problemas. Acredito na social democracia pois ela respeita as liberdades individuais e coletivas. Queremos a mudança social, queremos o fim da miséria, das desigualdades, porém com liberdade para todos.

Leitor do Blog Pergunta.



" É um grupo orientado por intelectuais que estudam e não trabalham, formado por militantes que trabalham e não estudam, comandado por sindicalistas que não estudam nem trabalham e apoiados por eleitores que trabalham pra burro e não têm dinheiro pra estudar.'
 
De quem estamos falando?

terça-feira, 18 de outubro de 2011

Num reino não tão distante..

Enquanto isso em um reino não tão distante

O Rei quer reafirmar seu poder e continuar governando através de seu sucessor. Porém, para acalmar os ânimos do povo, inconformados com sua incompetência e com a falta de expressão do sucessor indicado, esta deixando o rei preocupado.

Para tanto, o rei decidiu casar o sucessor com um homem dito do povo, destacado membro da burguesia do reino, só que mais um problema pro rei: o burguês anseia ser rei.

Vossa Majestade já argumentou que o burguês não esta preparado para governar, não tem experiência, e nem sangue político (nobre) em suas veias.

Mas o burguês é insistente. O rei então decide colocá-lo como vice-rei. O burguês reluta. O rei o corteja, emprega parentes do burguês na corte, faz negócios oficiais com o burguês e o elogia publicamente.

O burguês busca aparecer cada vez mais, demonstrar que é um homem do povo, que tem liderança. Fala ao povo que quer ser rei. Seus amigos e aliados falam que ele nao quer ser vice, que seu objetivo é ser rei.Tudo para se valorizar e conseguir um bom acordo nupcial, pois sabe que toda boa noiva tem que fazer charminho, valorizar-se, dificultar um pouco o acesso. Mas também sabe que terá que acabar cedendo.

E assim o rei pensa que vai emplacar seu sucessor.

segunda-feira, 17 de outubro de 2011

Incapaz de defender-se o PT ataca a mídia.

Diante de um mais um escândalo semanal do PT a postura é sempre a mesma. Critica-se a fonte, o meio, o propósito e parte-se para o contra ataque. Claro que isto é programado.  Não tendo defesa eles partem para o ataque. Numa estratégia que ilustrarei com o exemplo abaixo:
“Suponhamos que você queria  processar um petista por ter sido mordido pelo cachorro deste (do petista), eis a estratégia também usada em defesa de escândalos:
a)      Não tenho certeza que você foi mordido – prove que foi mordido.
b)      Meu cachorro não morde – prove que foi meu cachorro que mordeu.
c)       Meu cachorro estava preso aquela noite – prove que meu cachorro estava solto.
d)      Eu não tenho cachorro – isso é intriga da mídia direitista querendo desestabilizar o governo.

Muito a aprender.

A pesquisa realizada por alguns dos blogueiros izabelenses já é fruto de questionamentos pelos próprios idealizadores. O blogueiro Edilson Veterano já desistiu oficialmente, Bruno Marques já está analisando a possilidade e o Diego deve seguir o mesmo caminho.
Desde o inicio questionei a organização, a estrutura e até a intenção da mesma. Os frenquentadores do mundo virtual izabelense devem ter pensado a mesma coisa. Daí o resultado.
A vitória esmagadora do candidato a candidato Jaime Brito mostra que não se pode desprezar a maneira de pensar e agir do nosso povo. Mostra também que nem sempre os frequentadores do mundo virtual estão em sintonia com os anseios populares, ou mesmo dos blogueiros.
A intenção pode ser boa, mas como diz um velho malandro do bn "De boa intenção o inferno está lotado".

sábado, 15 de outubro de 2011

Dá pra falar de corrupção sem falar do PT?


Não dá pra falar de política sem falar de corrupção e não dá pra falar de corrupção sem falar do PT. Alguns já me Acusaram de “Tentar denegrir a imagem do partido” (sic) porém minha principal fonte de informação são os exemplos que o PT mostra.
A noticia do momento é que mais um ministro da presidenta Dilma está envolvido com corrupção. O ministro do Esporte, Orlando Silva, seria coordenador de um esquema de desvio de recursos públicos destinados a convênios realizados pela pasta.
Segundo a revista VEJA, que identifica Dias como militante do PCdoB, mesmo partido de Orlando Silva, as organizações não-governamentais que recebiam recursos destinados a convênios feitos por meio do programa Segundo Tempo só recebiam os recursos após o pagamento de até 20 por cento dos valores dos convênios a pessoas ligadas ao partido. O policial militar teria dito a revista que o próprio ministro do Esporte teria recebido pessoalmente recursos desviados na garagem do ministério.
Em nota, o Ministério do Esporte afirma que as acusações de Dias são resultado da decisão da pasta de suspender dois convênios firmados entre 2005 e 2006 entre o ministério e a Associação João Dias de Kung Fu e da Federação Brasiliense de Kung Fu, pelo não cumprimento do que havia sido acordado. Além disso, segundo a nota, o ministro decidiu enviar o caso ao Tribunal de Contas da União e a pasta reivindica a devolução de 3,16 milhões de reais em valores corrigidos. "A avaliação do ministro do Esporte é de que foi esse o motivo para João Dias fazer agora acusações de desvios de verbas do Segundo Tempo por um suposto esquema de corrupção no ministério", afirma a nota. "Orlando Silva afirma com veemência ser caluniosa a afirmação de João Dias de que houve entrega de dinheiro nas dependências do Ministério e pretende tomar medidas legais", acrescenta.

OPINIAO: Quando Pompéia, esposa do Imperador romano Júlio César foi acusada injustamente de ser adultera, mesmo sendo provada sua inocência o imperador mandou executa-la. Surgiu daí uma máxima dita pelo Imperador que deveria ser usada pelos politicos: "A esposa de César não basta ser honesta, tem que parecer honesta"

Debanda tucanada.

O modelo de gestao do PSDB para si mesmo parece estar passando por um momento de reafirmação de sua identidade, reafirmação de seus valores. E aqueles que não conseguem se alinhar no projeto, que visam apenas projeçao eleitoreira estao debandando. Podem ir. O partido é maior do que alguns individuos.

sexta-feira, 14 de outubro de 2011

Bancários em Greve

Mas uma vez o governo federal mostra-se incapaz de gerenciar os interesses da população e nao intermedia uma negociação para que se resolva esse impacto. Enquanto isso todos são prejudicados.

4000 acessos em menos de um mês.

Está é a média de acessos de um blog sobre política, com opiniões concisas, diretas, sem falso moralismo, partidário (pois não acredito em fazer política sem tomar partido), provocativo, posicionado.

A defesa de minhas idéias é o que direciona minhas postagens. Não oferece conselhos, não faço previsões, nao serei o profeta do apocalipse, não sou patrocinado, não peço permissão a ninguém.

O direito de resposta está sempre a disposiçao de quem acha que precisa/merece.

Já critiquei blogueiros que se ofenderam, que se magoaram, que não me entenderam em alguns posicionamentos.

Aproveito aqui para esclarecer que não tenho nada contra o BRUNO MARQUES, o admiro e o respeito. O que nao me impede de criticá-lo.

E AS 'OBRAS' CONTINUAM NO CONGRESSO.

quinta-feira, 13 de outubro de 2011

E as obras da copa nao param.


São tantas as notícias que chegam sobre o atraso nas obras da copa do mundo que fico imaginando se isso não é proposital para que nao sejam feitas as licitações seguindo o processo legal e responsável do projeto.
São enormes somas de dinheiro que estão sendo gastos e a sociedade parece nao estar atenta.

Vamos começar a observar isso com mais cuidado.

Lula e Dilma trabalhando pelo Brasil.

Dilma incapaz de controlar a inflação.

 

O dragão voltou

Antes de 1 de março de 1994, quando foi lançada a URV, moeda virtual que congelou a inflação em cruzeiro real, a troca de nomes de moedas era fato deplorável e corriqueiro: cruzeiro, cruzado, cruzeiro real. Uma salada.
Éramos um país sem identidade, porque sem economia estável, sem moeda, roubado minuto a minuto pela inflação.
Em 1993, o IPCA foi de 2.477%. Pois veio a URV, que permitiu o lançamento do real, em 1 de julho de 1994: ganhamos credibilidade internacional, a inflação passou a ser controlada ferrenhamente.
Em 1998, a elevação média dos preços cravou apenas 1.66%. Em 2002, houve pressão dos mercados, pela desconfiança em relação a Lula e suas ideias econômicas passadistas.
Mas quando ficou claro que o governo petista não iria promover uma ruptura, entregando o comando do Banco Central ao deputado tucano Henrique Meirelles, as nuvens passaram e o Brasil passou a atrair fortes fluxos de capitais externos.
O primeiro governo Lula manteve o tripé que herdou de Fernando Henrique: metas de inflação, câmbio flutuante e responsabilidade fiscal. O segundo mandato abriu as comportas da farra fiscal, origem de muitos males hoje vivenciados por nossa economia.
Lula II mostrou-se mais licencioso que Lula I: um pouco mais de inflação, em troca de um pouco mais de “crescimento”. Tiro no pé. Brincou com o dragão, chegando ao paroxismo quando trocou o calendário econômico pelo calendário eleitoral, acelerando irresponsavelmente os gastos públicos.
Dilma Rousseff, que participou na linha de frente do governo Lula II e se elegeu a bordo da gastança desenfreada, herdou a volta da carestia. Poderá passar quatro anos lidando com inflação acima da meta.
Dilma parece disposta a conviver com inflação entre 5% e 7%, na ideia de não sacrificar o “crescimento”.
Crescimento sustentável é o que se dá por longo espaço de tempo com inflação baixa. O mais é enganação que poderá custar muito caro ao País.
Do ponto em que está para perder o controle é um pequeno passo, infelizmente. E os setores mais penalizados serão as camadas menos favorecidas da população.
O ministro Mantega se perde em devaneios, falando em juros reais baixos, como se isso fosse, no Brasil, a invenção da pólvora. Antes do Plano Real, quando o descontrole inflacionário era a tônica, vivemos vários momentos de taxas de juros reais negativas. A inflação disparava e os juros, até eles, ficavam para trás.
Mas o ultimo Boletim Focus, divulgado pelo Banco Central, exibe que o mercado espera inflação de 6.52%, acima do teto da meta (6.5%), portanto. E elevou a previsão de 2012 para 5.59%. O PIB ficaria em 3.5% e 3.3%, respectivamente, para este ano e o próximo.
Meu palpite é que esses números se deteriorarão mais, até dezembro. Não creio em crescimento de 3.5% em 2011.
A grande verdade: a discussão passou a ser pautada por ser o governo capaz de garantir – ou não – a inflação no teto da meta. Ou seja, o fundamental perdeu relevância. O governo faz equilíbrio de circo sem rede de proteção.
O Banco Central virou departamento do Ministério da Fazenda. Fraco para ancorar as expectativas do mercado quanto à inflação. Abandonou a meta de 2011 e começa a fazer o mesmo com 2012.
Enquanto o presidente do Banco Central vira pombo correio do ministro da Fazenda, quem começa a voar alto mesmo é o dragão da inflação.

O Brasil brinca com fogo!

Arthur Virgílio é diplomata e foi líder do PSDB no Senado

quarta-feira, 12 de outubro de 2011

PPL: 40 anos atrasado.

O Partido Pátria Livre nasce anacrônico. 40 anos após deporem as armas alguns dos ex-integrantes do MR-8, movimento revolucionáio 08 de Outubro, de inspiração guevarista, isso mesmo, aquele Che Guevara que virou icone da esquerda, que até o vereador Tubarão usa na camiseta, agora pretendem completar a independencia do Brasil.

O Partido já declarou-se da base aliada a presidenta, logo não será tão esquerdão assim, até porque nao existe mais essa divisão esquerda x direita em nosso país.

O nome "Pátria Livre" vem da intenção do grupo de "libertar a nação dos interesses do capital financeiro internacional", que consideram ser o principal entrave para acabar com a miséria no Brasil. Isso em pleno século XXI é de um retrocesso fenomenal.

Brigar contra o capitalismo sem nenhum modelo socialista ter dado certo? Nossa isso é ultrapassado. Sei que o socialismo nao deu certo, sei também que o capitalismo nao resolveu os problemas sociais, mas retroceder a luta armada, retroceder a discurssos leninistas, retroceder ao radicalismo é de um anacronismo critante.

Tentará este partido recuperar os ideias da esquerda revolucionária? Tentará este partido a implantação de manifestações violentas? Teremos por essas bandas uma guerrilha do caraparu? Tentará esse partido recuperar o brilho da estrela que se perdeu?

Quando que essa esquerda saudosista de uma época muito mais romantica que construtiva vai amadurecer; Quando será capaz de ver que a sociedade mudou, que o mundo mudou, e apenas suas ideologias radicais, ultrapassadas e capengas nao encontrarao mais lugar em nossa sociedade?


Se for tentar...já começou mal.Muito mal. Com 40 anos de atraso e com aliados contraditórios.

VOCÊ MATARIA OU NÃO MATARIA O EMBAIXADOR. Franklin Martins e outros

terça-feira, 11 de outubro de 2011

DEPUTADO MENSALEIRO QUER SER VEREADOR.


O Ex-Deputado Paulo Rocha, aquele mesmo que renunciou ao mandato em 2005 para evitar uma possível cassação e suspensão da elegibilidade por oito anos, acusado de envolvimento no esquema “mensalão” onde uma de suas assessoras teria sacado R$ 420 mil.
O mesmo Paulo Rocha que teve o registro de sua candidatura ao Senado cassado pelo Tribunal Superior Eleitoral em 2010 com base na lei da ficha limpa. Na época o Ministro Aldir Passarinho considerou Paulo Rocha inelegível  por ter renunciado ao cargo de deputado federal em 2005, quando seu nome estava envolvido no escândalo do mensalão, para fugir da cassação.
Agora, sem o menor pudor, este político profissional quer ser vereador de Belém. Ou pelo menos está se sondando o terreno. Espero que o povo da capital de a resposta nas urnas, como o povo do Pará fez na eleição para o senado, deixando-o de fora.
Um grande exemplo de desrespeito à memória do povo.

Luiz Sefer ameaça: "Vou processar todos"

Luiz Sefer alegou ser vítima de calúnias durante coletiva concedida à imprensa, em sua casa, na tarde de hoje (10). O ex-deputado afirmou, ainda, que todos se aproveitaram da grande repercussão midiática de seu caso para se eleger nas próximas eleições. "Vou processar todos", afirmou, referindo-se à senadora Marinor Brito (PSOL), a delegada Cristiane Lobato e, especialmente, ao deputado Arnaldo Jordy (PPS).
Para Marco Apolo, representante da SDDH (Sociedade da Defesa dos Direitos Humanos), a absolvição de Sefer incentiva a impunidade. "Essa coletiva é para expressar nossa indignação com a decisão dos desembargadores. Nossa preocupação é que esse caso possa incetivar a impunidade e a prática de novos crimes desse tipo, já que ele não foi condenado", comentou.
Ainda de acordo com Apolo, as entidades farão uma campanha nacional pedindo a condenação do ex-deputado. "Os rumos dessa campanha ainda serão definidos em próximas reuniões", contou.
 "O procurador geral do MPE garantiu que vai promover o recurso e nós estaremos pedindo acompanhamento através de um promotor de justiça federal. Espero sinceramente que o STJ reforme essa decisão tomada pela câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Pará que agride todo esforço que vem sendo feito na sociedade no sentido de combater esse crime hediondo contra a criança e o adolescente", explicou o deputado Arnaldo Jordy.
Durante a coletiva, Jordy também fez uma revelação que pode tumultuar o caso. "Corre em segredo de Justiça outro processo contra Sefer na Paraíba pela mesma acusação e isso é de conhecimento do TJE", disse.
Jordy também falou sobre a defesa feita pelo ministro Márcio Thomaz Bastos. "Estaria em R$ 6 milhões o valor cobrado pelo mercenário Márcio Thomaz Bastos para fazer a defesa, que antes era protagonista da prática da Justiça no Brasil e vem aqui se permitir defender um caso que chamou atenção pela prática da pedofilia".
A reunião foi realizada na sede da CNBB. (Diario On Line)

Opinião deste blog:
Como estudante do direito defendo a lei, o código penal e de processo penal. Cedo aprendi que descisão judicial se cumpre ou se constesta.
O que vejo, independente da questão principal, é que alguns políticos estão aproveitando o tema "Pedofília" para auto-promoção política.
Isso para mim é tão vergonhoso e condenável como a própria pedofilia.

Vem aí o TIRIRICA JR.

Apos o palhaço Tiririca ser eleito Deputado Federal dizendo que nao sabia o que fazia um deputado, agora é a vez de seu filho, o também palhaço Tirulipa que se filia ao PSB com o intuito de pleitear uma vaga na Câmara municipal de Fortaleza.

E viva a Democracia.

segunda-feira, 10 de outubro de 2011

Prefeito Caminhando na Praça


Imaginem a cena:
Uma cidade de 100 mil habitantes, uma praça e um prefeito. O que você imagina?
Eu jamais acertaria, alias eu jamais acreditaria se não tivesse visto.
Afinal, o que foi que eu vi?
Em pleno sábado a noite, o prefeito municipal de Paragominas caminhava exercitando-se em praça publica, na companhia de sua esposa. Sem populismo, sem auxiliares. Caminhava como um anônimo na praça que ele reconstruiu e reurbanizou.
Confesso que senti um misto de respeito, orgulho e inveja.
Respeito por que já admirava o prefeito por suas ações como gestor visionário, eficiente e comprometido com o bem estar de seu povo e com mais esta atitude que pode parecer simples aos olhos de um desavisado, mas que muito significa para quem sabe observar. Ali nao estava um politico em busca de voto, de promoção. Estava apenas um cidadao cuidando de sua saude.
Orgulho por saber que ainda existem políticos que não se consideram acima da população, que não se consideram um cidadão diferenciado. Orgulho de ver que ainda podemos ter esperança na e com a política.
Inveja, bem, senti sim. Uma inveja boa. A inveja de imaginar minha querida Santa Izabel do Pará, que não tem de nossos gestores nem a praça, a eficiência e muito menos a atitude demonstrada pelo Sr. Adnan Demarchi  prefeito de Paragominas.
Mas como sou um homem de esperança....continuo na luta, pegando esse exemplo de que é possível, para termos uma cidade muito mais justa e igualitária.

Denuncia: Jaime Brito questiona obras

No Blog do Jaime Brito:

 
AS DIVERSAS OBRAS MAL PROJETADAS E DE PÉSSIMA QUALIDADE EM RITMO DE VALSA ESPALHADAS POR NOSSA CIDADE INICIADAS NO FINAL DE MANDATO AS VÉSPERAS DO ANO ELEITORAL É UMA GRANDE PROVA SE HOUVESSE COMPROMISSO POLITICO, COMPETÊNCIA E SERIEDADE, DARIA PARA TRABALHAR DESDE INICIO DO PRIMEIRO MANDATO.

PENSEM BEM NISSO!

OS COMPROMISSOS POLÍTICOS FIRMADOS EM CAMPANHAS E OS ALTOS GASTOS FINANCEIROS INVESTIDOS RESULTAM NESTE PROCEDIMENTO, PORTANTO, OS RECURSOS PÚBLICOS QUE DEVERIAM SER APLICADOS NO DESENVOLVIMENTO SOCIOECONÔMICO E BEM-ESTAR DO POVO, SÃO EVADIDOS.

100 dias, 100 Nada.

O prefeito de Santa Izabel do Pará, Evandro Watanabe (DEM), completou recentemente cem dias à frente da administração municipal.  ...